All Posts By

admin1990

2ª Reunião Luso-Galaica de Melanoma

By | Uncategorized

Bem-Vindo à
2ª Reunião Luso-Galaica de Melanoma
Melanoma Updates

A 2ª Reunião Luso-Galaica de Melanoma “Melanoma Updates” resulta da colaboração entre os grupos de trabalho na área do Melanoma da região norte de Portugal e Galiza, tendo como objetivo principal a atualização e a partilha de conhecimentos nesta área de patologia.

Hotel da Música

Largo Ferreira Lapa, 21 a 183,
Mercado do Bom Sucesso,
4150-323 Porto, Portugal

+351 226 076 000

www.hoteldamusica.com

Lígia Silva
(+351) 914 592 380

Email
eventos@lab52.pt

IPO-Porto Breast Cancer Preceptorship

By | Uncategorized

Ligia Silva

(+351) 914 592 380

Email

eventos@lab52.pt

Novartis Farma–Produtos Farmacêuticos, S.A.
Avenida Professor Doutor Cavaco Silva, n.º 10E,Taguspark, 2740-255 Porto Salvo • NIPC 500063524
MEDONC/007/052022

EOTTD 2021

By | A Decorrer

CANCELED

We apologize for the inconvenience but EOTTD 2020 has been canceled due to recent developments on coronavirus disease (COVID-19).
The same will happen next year, June 2021.
Once again our sincere apologies and we hope to see you next year.

Thank You!
The Organization & Secretariat

Current Concepts in Head and Neck Cancer 2020

By | Terminado

Current Concepts in Head and Neck Cancer 2020

Knowledge with no frontiers

A edição de 2020 desta reunião coloca Portugal, o Porto, e o IPO no centro do mundo. MSKCC, MD Anderson, Princess Margaret, e embaixadores dos grupos EORTC Head and Neck e DAHANCA visitam-nos de 27 a 29 de fevereiro. Estamos orgulhosos de reunir um painel de especialistas que representam 5 prestigiados centros de tratamento do cancro de cabeça e pescoço, que aqui se discute sem fronteiras físicas ou anatómicas. Jatin Shah preside novamente o encontro. Christian Simon, Jens Overgaard, Lillian Siu e Edward Chang trazem até nós os recentes avanços no tratamento do cancro da cabeça e pescoço, incluindo cirurgia minimamente invasiva e reconstrutiva, novas técnicas de radioterapia e novidades na terapêutica alvo e imunoterapia.
É neste ambiente multidisciplinar e sob o desígnio da partilha de experiência, aprofundamento de conhecimento e fortalecimento de laços que contamos com todos aqueles que se dedicam aos doentes com cancro da cabeça e pescoço.

A Comissão organizadora

The 2020 edition of this meeting places Portugal, Porto, and IPO at the center of the world. MSKCC, MD Anderson, Princess Margaret, EORTC Head and Neck and DAHANCA groups ambassadors are visiting us from February 27-29. We are proud to gather a panel of experts representing 5 prestigious head and neck cancer centers for a discussion without any physical or anatomical boundaries. Jatin Shah chairs the meeting once again. Christian Simon, Jens Overgaard, Lillian Siu and Edward Chang bring to us the latest advances in the treatment of head and neck cancer, including minimally invasive and reconstructive surgery, new radiotherapy techniques, and novelties in targeted therapy and immunotherapy.
It is in this multidisciplinary environment and under the aim of sharing experience, deepening knowledge and strengthening ties that we count on all those dedicated to head and neck cancer patients.

The organizing committee

Congress & Workshop27th, 28th & 29th February

150,00

Includes:

  • Access to Lectures
  • One Workshop
  •  Documentation Folder
  • One Lunch
  • Three Coffee Break’s
  • Certificate of Attendance

Congress28th & 29th February

100,00

Includes:

  • Access to Lectures
  •  Documentation Folder
  • One Lunch
  • Three Coffee Break’s
  • Certificate of Attendance

*Registration Deadline: 21st February 2020

Scientific Program

multipurpose hall
Head and neck young surgeons case conference

Jatin P. Shah e José Carlos Pereira

Apresentação e discussão de casos clínicos com o Dr. Jatin P. Shah, à semelhança das conferências semanais realizadas no Memorial Sloan Kettering Cancer Center em Nova York. O Workshop destina-se a internos e jovens especialistas com menos de 45 anos com interesse na patologia da tiróide, das glândulas salivares, da cavidade oral e da orofaringe.

hall 7
Skin tumors
O estado da arte no tratamento do cancro cutâneo

Matilde Ribeiro

Introdução
Matilde Ribeiro

Importância da Anatomia Patológica no diagnóstico e tratamento dos tumores cutâneos

Diagnóstico e novas terapêuticas não cirúrgicas no cancro da pele
António Santos

Atualização no tratamento cirúrgico do cancro cutâneo
Marco Rebelo

Indicações e limitações de radioterapia no cancro da pele
Tiago Figueiredo

O novo papel do tratamento sistémico do cancro cutâneo
Ivo Julião

Abordagem multidisciplinar nos tumores cutâneos
Matilde Ribeiro

hall 2
Potentially malignant oral lesions state-of-the-art: from diagnosis to treatment
O estado da arte das lesões potencialmente malignas

Luís Medeiros, Luís Monteiro e António Santos

Este tema será abordado pelos três palestrantes abordando o tema com especial enfoque nas recentes descobertas ao nível do diagnóstico e do tratamento.

  1. O Dr. Luís Medeiros fará a apresentação das lesões potencialmente malignas, sobretudo a leucoplasia e a eritroplasia, do ponto de vista epidemiológico e clínico.
  2. O Prof. Doutor Luís Monteiro abordará os exames subsidiários mais importantes e recentes no âmbito do diagnóstico e a importância na previsibilidade do sucesso terapêutico.
  3. O Dr. António Santos fará a abordagem do tratamento médico e cirúrgico destas lesões.

Duração do curso
2 horas (09h00 › 11h00)

multipurpose hall
Imaging in Head and Neck Cancer- clinical practice, multimodality complementary imaging and future perspectives
Imagiologia nas Neoplasias da Cabeça e Pescoço- prática clínica, complementaridade e perspetivas futuras

Hugo Duarte, Inês Lucena Sampaio e Mª Luísa Ortiz Coelho

A prática clinica em Oncologia caminha para uma abordagem personalizada do paciente, a qual passa pelo reconhecimento da complementaridade dos estudos de imagiologia convencional e funcional, permitindo uma selecção criteriosa e estruturada dos mesmos em cada fase do percurso da doença.

Os estudos imagiológicos são essenciais nas várias fases do tratamento das neoplasias da cabeça e pescoço e a identificação dos benefícios e limitações dos mesmos permite uma melhor clarificação na escolha do método diagnóstico na prática clínica, sobretudo nos casos mais desafiantes, em que a abordagem algorítmica diagnóstica mais simples pode não ser suficiente.

As presentes sessões têm como objetivo realizar uma revisão do papel dos diferentes métodos de imagem morfológica (ecografia, TC e RM) e funcional (estudos cintigráficos e PET/CT) na avaliação dos carcinomas da cabeça e pescoço, incluindo o carcinoma diferenciado da tiróide (CDT), com enfoque nos pontos mais importantes na prática clínica:

  • Indicações estabelecidas
  • Benefícios e Limitações
  • Contextos clínicos desafiantes
  • Perspetivas futuras
  • Discussão de casos clínicos

Moderadores
Hugo Duarte, Jorge Guimarães, Margarida Teixeira, Cláudia Freitas, André Soares, Inês Lucena Sampaio e Mª Luísa Ortiz Coelho

Programa
9.00h > 9.30h Estudos cintigráficos Dra. Sofia Castro
Medicina Nuclear – Instituto Português de Oncologia do Porto
9.30h > 10.00h Estudo ecográfico Dr. Adriano Carvalho
Radiologia – Instituto Português de Oncologia do Porto
10.00h > 10.30h Discussão
10.30h > 11.00h Intervalo
11.00h > 11.30h Anatomia radiológica da cabeça e pescoço Dr. João Calheiros Lobo
Radiologia – Centro Hospitalar Universitário de São João
11.30h > 12.00h Estudos PET/CT Prof. Doutora Paula Lapa
Medicina Nuclear – Centro Hospitalar Universitário de Coimbra
12.00h > 12.30h Estudos TC e RM Prof. Dra. Laura Oleaga
Radiologia – Hospital Clínic de Barcelona
12.30h > 13.00 Discussão

Hall 1
Challenges with head and neck patients care
Desafios na Parceria Enfermeiros/ Cuidadores Informais: Oncologia de Cabeça e Pescoço IPO-Porto

Lurdes Carvalho

O diagnóstico de cancro cabeça e pescoço acarreta alterações não só para o individuo, mas para toda a família. Esta nova realidade afeta a dinâmica familiar, havendo necessidade de reorganizarem os papéis e atividades diárias.

O cuidador informal assume múltiplos desafios e responsabilidades que podem gerar consequências significativas a nível físicas, psicológicas e sociais.

A parceria enfermeiro/cuidador informal torna-se mais exigente dada a complexidade e multiplicidade de cuidados que estes doentes exigem. A capacitação do cuidador na aquisição de competências e a promoção de segurança nesse papel torna-se um desafio, pelo que o enfermeiro, enquanto promotor de saúde, desempenha um papel fundamental nesta transição, de forma a garantir a continuidade e qualidade desses cuidados.

Este workshop tem como objetivo uma reflexão sobre:
– Exercício do papel de Prestador de cuidados: fatores facilitadores e inibidores;
– Potencial das Terapêuticas de Enfermagem: relação entre Enfermeiro e Prestador de cuidados constituindo um espaço de proximidade, confiança, disponibilidade e continuidade.

Moderadora
Lurdes Carvalho

Programa
9.30h > 10.00h Perfil sociodemográfico dos cuidadores informais da clínica cabeça e pescoço Dra. Ana Ferreira
Clínica Cabeça e Pescoço – IPO do Porto
10.00h > 10.30h Regime terapêutico e instrumental complexo dos doentes oncológicos de cabeça e pescoço: Como ajudar na capacidade para o desempenho? Enf.ª Anabela Almeida e Enf.ª Sandrina Nogueira
Clínica Cabeça e Pescoço – IPO do Porto
10.30h > 11.00h Intervalo
11.00h > 11.30h Cuidar dos cuidadores informais quando a vida se aproxima do fim Enf.ª Margarida Alvarenga
Serviço de Cuidados Paliativos – IPO do Porto
11.30h > 12.00h Testemunho de cuidadores informais
12.00h > 12.30 Discussão

Hall 3 — CLOSED
Difficult airway in head and neck cancer surgery
Gestão da via aérea em cirurgia oncológica de cabeça e pescoço: da teoria à prática

F. Cerejo, Ana Agrelo, Carla Rocha, Igor Afanas, M. Manuel Pereira, M. João Carvalhais, M. Helena Pacheco

Público Alvo
Internos ou especialistas com interesse na área.

Número de formandos
20

Duração do curso
3 horas, com dois componentes: um teórico (1 hora) e outro prático (2 horas).

Componente teórico
A) Conhecer a anatomia e as opções terapêuticas nos tumores de cabeça e pescoço.(10 minutos)
B) Identificar as causas de via áerea difícil num doente que vai ser submetido a cirurgia oncológica de cabeça e pescoço: Avaliação pre-operatória clínica e imagiologica (10 minutos)
C) Elaborar estratégia de abordagem da via aérea dificil: definição de plano individualizado (20 minutos)

  • Tumor cavidade oral
  • Tumor faringeo.
  • Tumor laringeo.
  • Doente com cirurgia prévia / Rt prévia.

D) Elaborar plano individualizado de extubação / extubação diferida / traqueostomia.(10 minutos).

Componente pratico (2 horas).
A) Banca de videolaringoscópio, fibroscopia.
B) Banca de Casos Clínicos.

Avaliação do curso
Os interessados em participar neste workshop deverão enviar email para o seguinte endereço eletrónico: sofia.a.silva@ipoporto.min-saude.pt

Programa
8.30h > 9.00h Sessão de abertura Dra. Filomena Cerejo
9.00h > 9.15h Anatomia e Opções terapêuticas no cancro de cabeça e pescoço Dra. Filomena Cerejo
9.15h > 9.30h Identificação de causas de VA difícil –Avaliação pré – operatória clínica e imagiológica Dra. Carla Rocha
9.30h > 9.45h Elaboração de estratégias de abordagem de VA difícil e plano individualizado Dra. Mª Manuel Pereira e Dra. Ana Agrelo
9.45h > 10.00h Elaboração de plano individualizado para o pós-operatório – Extubação/ Extubação diferida/ Traqueostomia Dr. Igor Afanas
10.00h > 10.15h Coffee Break
10.15h > 12.45h Bancas Práticas
12.45h > 13.00h Discussão
13.00h Encerramento

Jatin P. Shah

Memorial Sloan Kettering Cancer Center

  • Chief, Head and Neck Service  Memorial Sloan Kettering Cancer Center, New York (1992-2015).
  • Founder & CEO of the International Federation of Head and Neck Oncologic Societies
  • Chairman of the AJCC task force on Head and Neck.
  • Past President of the American Head and Neck Society.
  • Past President of the North American Skull Base Society.
  • Past President of the New York Head and Neck Society.
  • Past President of the New York Cancer Society.
  • Past President of the International Academy of Oral Oncology.

Christian Simon

CHUV, University of Lausanne

  • Professor and Chairman, Department of Otolaryngology – Head and Neck Surgery, University Medical Center Vaud (CHUV), University of Lausanne (UNIL), Suisse.
  • Chair of EORTC Head and Neck Research Group.
  • Organizer and instructor of the European  Workshop on Robotic Surgery in Head and Neck Cancer.

Jens Overgaard

Aarhus University Hospital, Denmark

  • Head, Department of Experimental Clinical Oncology, Aarhus University Hospital, Denmark.
  • Director, CIRRO – The Lundbeckfoundation Center for Interventional Research in Radiation Oncology, Denmark.
  • Director, DAFKO, Danish Graduate School for Clinical Oncology, Danmark.
  • Coordinator of the Danish Head and Neck Cancer Group (DAHANCA), Denmark.
  • Chairman, Danish Cancer Society, Scientific Committee, Denmark

Lillian L. Siu

Princess Margaret Cancer Centre

  • Senior Staff Medical Oncologist, Princess Margaret Cancer centre
  • Professor of Medicine, University of Toronto
  • Clinical Lead, Tumour Immunotherapy Program, Princess Margaret Cancer Centre
  • Executive Director, Cancer Genomics Program, Princess Margaret Cancer Centre
  • Director of Phase I Program, Princess Margaret Hospital, University Health Network
  • Member of the American Association for Cancer Research (AACR) board of directors

Edward Chang

MD Anderson Cancer Center

  • Associate Professor, Department of Plastic Surgery, Division of Surgery, The University of Texas MD Anderson Cancer Center, Houston
  • Director of the MD Anderson Annual Microsurgical Skills Course
  • Reviewer of the Plastic Surgery Foundation Study Section Committee, American Society of Plastic Surgery

Honorary President
Presidente de Honra

Jatin P. Shah

Organizing Committee
Comissão Organizadora

André Soares

Cláudia Araújo

Cláudia Vieira

Jorge Guimarães

José Dinis

Rui Barbosa

Manuel Jacome

Sandra Saleiro

Susana Almeida

Scientific Committee
Comissão Científica

Adoindo Pimentel

Deolinda Pereira

Eurico Monteiro

Hugo Duarte

Isabel Torres

Joaquim Abreu de Sousa

Lina Miranda

Luísa Carvalho

Luís Medeiros

Luís Rocha

Lurdes Carvalho

Margarida Gouvêa

Matilde Ribeiro

Otília Romano

Paula Alves

Paula Monteiro

Rui Medeiros

Organization

Support

Sponsors

Scientific Sponsors

IPO Porto

Instituto Português de Oncologia do Porto FG, EPE

O IPO-Porto tem como missão a prestação de cuidados de saúde, em tempo útil, centrados no doente, não descurando a prevenção, a investigação, a formação e o ensino no domínio da oncologia com o objetivo de garantir elevados níveis de qualidade, humanismo e eficiência.

R. Dr. António Bernardino de Almeida 865,
4200-072 Porto, Portugal
(+351) 225 084 000

EUROSTARS OPORTO 

The Eurostars Oporto Hotel is a modern, newly-built hotel boasting an optimal, strategic location very near the main entrances to the city and just 15 minutes from the airport. The Hospital São João, the most important universities and the Das Antas zone, the home to Oporto’s Do Dragão football stadium, are all just a few minutes away from the Oporto hotel. The modern, attractive building houses a highly functional hotel in Oporto with 64 apartments, ideal for longer stays, along with 6 meeting rooms, a restaurant, bar, television room, business centre and two parking zones (one indoor and one outdoor). Because of its location, features and comfort, it is a great option for both business and pleasure travel. The is also perfectly equipped for hosting all kinds of events from working meetings to conventions or banquets thanks to its numerous meeting rooms and their functionality.

CONTACTS
Rua do Mestre Guilherme Camarinha, 212
4200-537, Porto
Portugal
(+351) 225 072 090
reservas@eurostarsoporto.com
www.eurostarshotels.co.uk

Shaping the Future of Cancer Care
40th Congress of the European Society of Surgical Oncology
Lisboa, Portugal
21 – 23 October 2020

World Tours
Current Concepts in Head & Neck Surgery & Oncology

Dubai, UAE
15 – 16 October 2020
Budapest, Hungary
21 – 24 October 2020
Lima, Peru
29 October – 1 November 2020
Trivandrum, India
16 – 18 October 2020
Dublin, Ireland
25 – 28 October 2020

Lígia Silva
(+351) 914 592 380

Email

eventos@lab52.pt

Email

geral@lab52.pt

REGISTRATION ended!

Thank You!

4th BrEaST Cancer Weekend

By | Terminado

4th BrEaST Cancer Weekend

A Clínica de Mama do IPO Porto vai realizar a 4ª Reunião “O melhor do tratamento do cancro da mama em 2019”, em 24 e 25 (manhã) de Janeiro 2020 no Hotel Solverde Spa and Wellness Center – Vila Nova de Gaia. O objectivo principal é fazer uma revisão prática no que diz respeito a tratamento sistémico, de cirurgia e radioterapia sobre o que a comunidade cientifica internacional deu a conhecer em 2019, que possa alterar a prática clínica actual.

EspecialistasMÉDICOS

75,00

Inclui:

  • Acesso às Palestras
  • Pasta com Documentação
  • 1 Almoço
  • 3 Coffee Break’s
  • Certificado de Presença

InternosMÉDICOS

60,00

Inclui:

  • Acesso às Palestras
  • Pasta com Documentação
  • 1 Almoço
  • 3 Coffee Break’s
  • Certificado de Presença

EstudantesESTUDANTES

40,00

Inclui:

  • Acesso às Palestras
  • Pasta com Documentação
  • 1 Almoço
  • 3 Coffee Break’s
  • Certificado de Presença

* Data Limite de Inscrição: 15 de Janeiro 2020

Programa Científico

Organização

Apoio

Patrocinadores Indústria

Patrocinadores Científicos

HOTEL SOLVERDE SPA & WELLNESS CENTER  

O Hotel Solverde Spa & Wellness Center é uma referência do Grande Porto, o único hotel 5 estrelas na região norte do país, localizado em frente à praia. A dois minutos de Espinho e a apenas 15 minutos do Porto, este hotel reúne as condições ideais tanto para o turismo de lazer como de negócios.

Inserido num complexo de 2 hectares e com acesso directo à praia, proporciona uma agradável atmosfera de descontracção brindado pelo aroma a maresia, pela magnífica vista sobre o mar e a paisagem envolvente.

A gastronomia é também um dos pontos de destaque desta unidade hoteleira Solverde, oferecendo um rico e variado leque das mais saborosas iguarias da cozinha tradicional portuguesa.

O Spa & Wellness Center é um dos mais completos e modernos do país, proporcionando a simbiose perfeita entre corpo e mente e dispondo de tratamentos exclusivos e aliados às marcas Thalgo e Terraké.

CONTACTOS
Avenida da Liberdade, 212
4410-154 S.F. Marinha – Vila Nova de Gaia
Portugal
(+351) 227 338 030
hotelsolverde@solverde.pt
www.solverde.pt

Ligia Silva

(+351) 914 592 380

Email

eventos@lab52.pt

Email

geral@lab52.pt

Inscrições Encerradas!

Obrigado

Ginecologia Oncológica

By | Terminado

7º Curso Avançado

Ginecologia Oncológica

Especialista27 e 28 de Junho

125,00

Inclui:

  • Palestras da sessão Plenária
  • Almoço
  • Coffee Break
  • Pasta de Congresso
  • Certificado de Presença

Interno27 e 28 de Junho

75,00

Inclui:

  • Palestras da sessão Plenária
  • Almoço
  • Coffee Break
  • Pasta de Congresso
  • Certificado de Presença

Inscrições disponíveis até 20 de junho 2019

Programa Científico

Organização

Apoio

Lígia Silva
(+351) 914 592 380

Email
eventos@lab52.pt

Email
geral@lab52.pt

Inscrições encerradas!

Obrigado.

GEMMeeting 2019

By | Terminado

GEMMeeting 2019

Gaia – Espinho Medical Meeting

Vimos por este meio apresentar-vos o GEMMeeting – Gaia-Espinho Medical Meeting, encontro científico organizado pela aGe – Associação Médica de Gaia e Espinho.

Depois do sucesso das suas primeiras edições onde contaram com cerca de 200 participantes e reuniram à volta de 15 parceiros cada, o GEMMeeting 2019 realizar-se-á nos dias 12 e 13 de Setembro de 2019 e terá lugar no Fórum de Arte e Cultura de Espinho (FACE).

Este Encontro terá como objetivo primordial a atualização de conhecimentos, formação de competências e discussão crítica de temas relevantes para a Medicina Geral e Familiar.

A comissão Organizadora

Inscrição12 e 13 de Setembro 2019

30,00

Inclui:

  • Acesso às palestras
  • 2 workshop’s à escolha*
  • Pasta de Congresso
  • Almoço 1º dia
  • 3 Coffee Break
  • Certificados de Presença

* A partir de 15 de Agosto será enviado por email um link de inscrição para os workshop’s. Apenas receberá o mesmo, quem tiver efetuado o pagamento.
Os workshop’s serão atribuidos conforme ordem de inscrição nos mesmos, de acordo com as vagas disponíveis no momento.

Data Limite de Inscrição: 09 de Setembro 2019

Sunset do GEMMeeting 2019

Momento de convívio na praia, com música e petiscos, após o primeiro dia de trabalhos do GEMMeeting 2019.

Data: 12/09/2019, primeiro dia do GEMMeeting
Hora: 18:00h – 22:00h
Localização:  Surfing Bar, em Espinho (5 minutos a pé do FACE)
Custo: 6 euros
Inclui: entrada no bar, bebidas, aperitivos e tapas

PROGRAMA CIENTÍFICO

MR 1 // Desafios da Adolescência
Auditório

A adolescência é um período de transformações, mudanças e experiências. As especificidades deste grupo etário colocam alguns desafios aos profissionais de saúde, que têm de adaptar o seu modelo de consulta de maneira a abordar esta fase de transição de forma adequada. A promoção de hábitos de vida saudáveis e a prevenção de doença estendem-se para áreas como a descoberta da sexualidade ou o desenvolvimento de hábitos nocivos.

O objetivo desta Mesa Redonda é promover uma partilha de experiências sobre a abordagem de temas próprios da adolescência com os quais somos confrontados na prática clínica, como a abordagem de consumos de álcool, tabaco ou drogas, a violência no namoro ou a contraceção.

Moderadora
Dr.ª Ana Margarida Carvalho

Assistente em Medicina Geral e Familiar na USF Nova Via, ACeS Grande Porto VIII – Espinho/Gaia

Palestrante
Dr. Hugo Braga Tavares

Assistente Graduado em Pediatria no Centro Hospitalar Vila Nova de Gaia/ Espinho E. P. E.

Palestrante
Dr.ª Sandra Borges

Assistente Graduada em Pedopsiquiatria no Centro Hospitalar Vila Nova de Gaia/ Espinho E. P. E.

MR 2 // Ortopedia Infantil
Auditório

A saúde infantil e juvenil é uma área importante de atuação da medicina geral e familiar, tendo o médico de família um papel privilegiado na identificação de patologia osteoarticular da criança e adolescente. Apesar da prevalência de algumas patologias, muitas vezes existem dúvidas diagnósticas e de orientação, nomeadamente no que à necessidade de referenciação hospitalar diz respeito.

Esta MR conta com a participação de médicos especialistas com particular interesse na área, exercendo funções tanto nos cuidados de saúde primários como secundários. Pretende-se efetuar uma exposição prática da abordagem das patologias osteoarticulares mais prevalentes em idade pediátrica, focando o diagnóstico, opções terapêuticas, seguimento e critérios de referenciação.

Moderador
Dr. Nuno Guerra

Médico Especialista em Medicina Geral e Familiar na USF Barão do Corvo

Palestrante
Dr. Jorge Seabra

Médico Especialista em Ortopedia Infantil, Ex – Responsável e Diretor do Serviço de Ortopedia do Hospital Pediátrico de Coimbra

Palestrante
Dr.ª Mafalda Santos

Médica Especialista em Ortopedia Infantil no Centro Hospitalar Vila Nova de Gaia/Espinho

MR 3 // Tratamento Farmacológico da Obesidade
Auditório

A Obesidade é um problema de saúde pública em Portugal e constitui um fator de risco para o desenvolvimento de múltiplas doenças crónicas. O médico de família desempenha um papel importante nos vários níveis de prevenção da doença. Quando a modificação dos hábitos alimentares e a prática de exercício físico se tornam insuficientes na redução de peso, é fundamental pensar em alternativas, como o recurso a fármacos, que permitam combater a doença e complicações associadas.

Esta mesa redonda pretende elucidar a audiência sobre os fármacos com indicação para o tratamento da Obesidade comercializados em Portugal, a evidência atual da sua utilização, as suas indicações e custos associados e a sua aplicação ao nível dos Cuidados de Saúde Primários.

Moderadora
Dr.ª Ângela Teixeira

Assistente Graduada de Medicina Geral e Familiar na USF Nova Via – ACeS Espinho/Gaia;
Diretora do Internato de Medicina Geral e Familiar “Santos Silva”.

Palestrante
Professora Dr.ª Paula Freitas

Assistente Hospitalar de Endocrinologia do Centro Hospitalar de São João;
Coordenadora de Endocrinologia, Centro de Elevada Diferenciação do Tratamento Cirúrgico da Obesidade;
Presidente da Sociedade Portuguesa para o Estudo da Obesidade (SPEO);
Assistente Convidada da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP).

Palestrante
Dr. Gustavo Melo Rocha

Assistente Hospitalar de Endocrinologia no Serviço de Endocrinologia do Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/ Espinho.

MR 4 // Transexualidade: mais do que uma cirurgia
Auditório

A abordagem da Disforia de Género numa vertente multidisciplinar destaca-se como um desafio inovador e não preconceituoso.

As particularidades das várias etapas da transformação dos utentes, o processo de referenciação e o acompanhamento médico longitudinal e holístico são muitas vezes desconhecidos pelos profissionais de saúde, dificultando o acesso a cuidados de saúde de excelência dos cidadãos que pretendem mudar de sexo.

Com esta Mesa Redonda pretendemos quebrar os tabus e dar a conhecer uma nova realidade aos médicos de família. Teremos o prazer de receber um testemunho que partilhará a sua experiência única, um momento certamente especial para todos os participantes.

Moderadora
Professora Dr.ª Luísa Sá

Assistente Graduada de Medicina Geral e Familiar na USF Nova Via, ACES Espinho/Gaia

Palestrante
Dr. José Luís Castedo

Assistente Graduado de Endocrinologia no Centro Hospitalar Universitário de São João, integra o grupo multidisciplinar de Medicina Sexual

Palestrante
Dr.ª Márcia Mota

Assistente Hospitalar Graduada de Psiquiatria
Coordenadora da Consulta de Sexologia Clínica da Clinica de Psiquiatria e Saúde Mental do Centro Hospitalar e Universitário de São João
Certified Psychosexologist pela European Federation of Sexology (EFS) e pela European Society for Sexual Medicine(ESSM).

“Identidades de género e sua conceptualização: da doença à despatologização”

Palestrante
Dr.ª Maria João Ferreira

Interna de Formação Específica de Endocrinologia no Centro Hospitalar Universitário de São João, integra o grupo multidisciplinar de Medicina Sexual

Palestrante
Dr. Diogo Barbosa

Interno de Formação Específica em Psiquiatria
Colaborador na Consulta de Sexologia Clínica da Clinica de Psiquiatria e Saúde Mental do Centro Hospitalar e Universitário de São João

“Questões de género: avaliação e intervenção no contexto da Consulta de Sexologia”

WS 1 // Dispositivos Inalatórios na consulta estruturada de Asma/DPOC
Sala B.1

A abordagem terapêutica de doenças respiratórias como a asma ou a DPOC contempla, na maioria das vezes, o uso adequado de dispositivos inalatórios.
Se por um lado se verifica um aumento progressivo do número de dispositivos disponíveis, por outro, o seu uso associa-se a um elevado número de erros que comprometem a sua eficácia terapêutica. Com efeito, é crucial que o clínico conheça cada um e seja capaz de escolher o dispositivo adequado a cada utente e simultaneamente transmitir a técnica adequada de uso de cada inalador.

Assim, este WS tem como objetivos conhecer os diversos inaladores disponíveis, demonstrar e treinar o seu uso, identificar erros e estruturar a forma de ensino dos inaladores aos pacientes. A reconhecida experiência do Dr. Eurico Silva como médico de família e ainda como coordenador do Grupo de Terapêutica, pertencente ao Grupo de Doenças Respiratórias do GRESP, constituem uma mais-valia formativa para este WS e para os seus participantes

Coordenador
Dr. Eurico Silva

Médico de família na USF João Semana, membro do Grupo de Doenças Respiratórios e coordenador do Grupo de Terapêutica Inalatória do GRESP

Saber Mais

WS 2 // Como e quando Hipocoagular?
Sala B.2

As Doenças Cérebro-Cardiovasculares apresentam uma prevalência significativa, especialmente em Portugal. Os Cuidados de Saúde Primários (CSP) têm um papel central na avaliação e orientação inicial destes doentes, bem como no seu seguimento a longo prazo. A crescente diversidade de meios de diagnóstico, opções de tratamento e co-morbilidades podem, contudo, tornar complexa a abordagem destas patologias, reforçando a necessidade acrescida de formação nesta área. Este workshop baseia-se na abordagem de casos clínicos atuais, representativos e frequentes na prática clínica do Médico de Família na área da hipocoagulação. Tem por objetivo esclarecer questões práticas do dia-a-dia referentes a quando iniciar, como iniciar e quando parar hipocoagulação, tendo em conta situações clínicas como fibrilhação auricular, trombose venosa profunda, extrassistolia, entre outros.

Coordenador
Dr. Eduardo Vilela

Cardiologista em funções no CHVNG/E e investigador no departamento de Medicina da FMUP

WS 3 // Minimizar a Dor
Sala A

As queixas álgicas são frequentes nos cuidados de saúde primários, tendo um impacto significativo na qualidade de vida dos doentes. O controlo eficaz da dor é um dever dos profissionais de saúde, um direito dos doentes que dela padecem e um passo fundamental para a efetiva humanização das unidades de saúde. Sendo assim, a abordagem da dor constitui um desafio para os médicos de família.

Neste workshop pretende-se abordar de modo prático a dor, focando aspetos como a sua avaliação, tratamento multimodal, desmistificação da utilização de opióides e critérios de referenciação para a consulta da Dor. Para tal, contaremos com a discussão de casos clínicos que surgem diariamente nas nossas consultas.

Coordenador
Dr. Paulo Reis Pina

Médico Especialista em Medicina Interna e pós-graduado em Medicina da Dor e Geriatria

WS 4 // Terapêutica Hormonal na Menopausa
Auditório

Com o aumento da esperança média de vida, o número de mulheres em pós-menopausa é crescente e cada mulher vive progressivamente mais tempo nessa fase da sua vida, sofrendo as consequências precoces e tardias da sua situação fisiológica.

A terapêutica hormonal é segura? Em que situações está recomendada e com que duração? Quais os seus benefícios e riscos? A escassez de formação nesta área ainda é grande nos Cuidados de Saúde Primários, o que impõe várias dificuldades na gestão da melhor qualidade de vida destas mulheres.

Neste workshop, o Dr. Pedro Pinto irá responder a estas e outras questões práticas, desmistificando o tema da abordagem da menopausa e esclarecendo os receios associados à terapêutica hormonal.

Coordenador
Dr. Pedro Pinto

Especialista de Ginecologia e Obstetrícia

WS 5 // Desafios da Terapêutica Injetável na Diabetes
Sala A

A Diabetes Mellitus afeta mais de 1 milhão de portugueses e, dada a sua prevalência na consulta, os médicos de família contactam regularmente com esta patologia. Nos últimos anos têm sido introduzidos novos fármacos para o tratamento desta doença e prevenção das suas comorbilidades, o que se traduz na prática clínica diária em diversas possibilidades terapêuticas e múltiplas as dúvidas que surgem no momento da prescrição. Neste Workshop pretendem-se focar os análogos da GLP-1 e a insulinoterapia como possíveis armas terapêuticas.

Coordenador
Dr. Luís Andrade

Médico especialista de Medicina Interna do Centro Hospitalar Vila Nova de Gaia/ Espinho

WS 6 // ECG no contexto de Urgência
Sala B.1

O ECG é um dos exames complementares de diagnóstico mais requisitados no Serviço de Urgência. Fornece muita informação e permite excluir patologia aguda grave.

No entanto a sua interpretação é muitas vezes um desafio, especialmente para o médico inexperiente. É o caso do Interno de MGF que durante o estágio de Serviço de Urgência contacta pela primeira vez com o ECG em contexto de urgência.

Este Workshop pretende fornecer aos Internos de MGF as ferramentas básicas para interpretação e orientação de alterações do ECG no Serviço de Urgência.

Coordenador
Prof. Dr. Ricardo Fontes Carvalho

Cardiologista no CHVNG/E

Coordenador
Dr. João Almeida

Cardiologista no CHVNG/E

WS 7 // Abordagem Prática da Hipertensão Arterial
Sala A

A Hipertensão Arterial apresenta-se como uma das patologias mais frequentes no dia-a-dia de consulta de qualquer médico de família. Por vezes pode até ser desvalorizada e o investimento na formação e atualização médicas ser menor que em outras áreas mais em voga. As consequências a longo prazo desta patologia, maioritariamente silenciosa, tornam imperativo que cada clínico se atualize frequentemente e procure oferecer sempre os melhores cuidados possíveis aos seus doentes, por forma a minimizar o seu negativo impacto futuro. É neste sentido que os palestrantes nos irão demonstrar, de modo prático através de casos clínicos e discussão, alguns pontos chaves desde o diagnóstico, a abordagem inicial em termos de meios complementares de diagnóstico, a escolha terapêutica individualizada e o acompanhamento, que nos permitam continuar na linha da frente no combate à doença.

Coordenador
Dr. Paulo Pessanha

Assistente Graduado de MGF na USF S. João do Porto;
Especialista em HTA pela Sociedade Europeia de HTA;
Membro da Sociedade Europeia de HTA;
Membro da Sociedade Portuguesa de HTA;
Assistente da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto

Coordenador
Dr. Hugo Cordeiro

Médico Interno de MGF, USF São João do Porto
Membro da Sociedade Portuguesa de HTA

WS 8 // Otoscopia: o que valorizar?
Sala B.1

A saúde primária depara-se diariamente com queixas otológicas de relativa complexidade, por vezes de difícil compreensão e tratamento. A otoscopia consiste num exame visual direto do canal auditivo externo e do tímpano efetuado com o recurso a instrumentos específicos.

Um exame preciso do canal auditivo externo e da membrana timpânica é o primeiro passo na gestão de qualquer paciente com sintomas sugestivos de doença otológica. A maioria das doenças que afetam o canal auditivo externo, e muitas das que afetam a membrana timpânica e ouvido médio, pode ser diagnosticada principalmente com base em sua aparência otoscópica. Para além disso, também permite estudar o funcionamento da trompa de Eustáquio, pelo que se pratica igualmente no caso de patologias das vias respiratórias superiores.

Este workshop pretende fornecer, de forma prática, com recurso a imagens e casos clínicos, as ferramentas básicas para a realização da otoscopia e para a interpretação e orientação das alterações aqui encontradas.

Coordenadora
Dr.ª Rita Gama

Interna de Formação Específica de ORL no CHVNG/E

Coordenador
Dr. Nuno Medeiros

Interno de Formação Específica de ORL no CHVNG/E

Coordenadora
Dr.ª Joana Ferreira

Interna de Formação Específica de ORL no CHVNG/E

WS 9 // Protecção Materno-fetal desde a pré-concepção
Sala A

Há que ter sempre um espírito crítico em relação àquilo que se julga saber sobre a segurança da medicação em mulheres grávidas, uma vez que “não existe nenhum fármaco comprovadamente seguro para o feto em desenvolvimento na espécie humana” (Wilson & Frasier, 1979). A gravidez, não sendo por si só uma doença mas um estado de saúde, pode acarretar vários conflitos quando aliada a patologias crónicas ou agudas, que são habituais no dia-a-dia de um MF mas que se tornam desafios de tratamento. As bases científicas que tanto nos auxiliam no dia-a-dia, não têm o mesmo poder científico em relação a este tema tão sensível. Por conseguinte, para um correto seguimento da mulher grávida ou em fase pré-concecional, é importante um espírito aberto em relação à nossas dúvidas e uma boa interação com os colegas das diversas especialidades que lidarão, em conjunto, com as mulheres, em todas as fases da gravidez.

Sendo o MF o gestor por excelência da saúde e da doença da população, este workshop permitirá adquirir competências de modo a informar corretamente a mulher sobre as medicações mais seguras para cada tipo de patologia, que poderá ser orientada nos cuidados de saúde primários, durante esta fase tão peculiar.

Coordenadora
Dr.ª Joana Barros Henriques

Interna de Formação Específica de MGF na UCSP São Pedro do Sul

Coordenadora
Dr.ª Margarida Barros Henriques

Interna de Formação Específica de MGF na USF Feijó

WS 10 // MCDT’s em Reumatologia
Sala B.1

As doenças reumatológicas são uma realidade na nossa prática clínica. Apresentam um elevado impacto na qualidade de vida do doente, no absentismo laboral e nos custos associados.

A interpretação das queixas, muitas vezes inespecíficas, é um desafio para o profissional de saúde. Aliados à clínica, os MCDTs têm um papel importante na marcha diagnóstica e monitorização do doente.

Neste workshop pretende-se abordar, de uma forma muito prática, diferentes patologias do foro reumatológico, focando o conhecimento e o pedido pertinente dos MCDTs adequados em cada situação, no âmbito da Medicina Geral e Familiar.

Coordenadora
Dr.ª Romana Vieira

Assistente Hospitalar de Reumatologia do CHVNG/E

WS 11 // Treino Parental
Sala A

Este WS terá como principal objetivo melhorar competências do médico de família relativamente a questões colocadas frequentemente pelos pais, avós e outros cuidadores, na consulta de saúde infantil e juvenil. Pretende-se uma abordagem prática sobre educação/gestão de comportamentos, nomeadamente, o que fazer perante uma birra, os “castigos”, como brincar com a criança, como a preparar para a chegada do(a) irmão/irmã mais novo(a) e gestão de medos e anseios de filhos e pais.

Ambas as palestrantes dedicam a sua prática clínica hospitalar à 1a Infância e desempenham funções de líder do Programa Básico para Pais da série “Anos Incríveis”. Pelas suas competências específicas e pela sua experiência, irão certamente esclarecer as principais dúvidas nesta área tão desafiante para todos.

Coordenadora
Dr.ª Sara Melo

Especialista em Psiquiatria da Infância e da Adolescência e responsável pela Consulta de Primeira Infância no CHVNG/E

Coordenadora
Enf.ª Verónica Pereira

Enfermeira Especialista em Saúde Mental e Psiquiatria no Serviço de Psiquiatria da Infância e Adolescência do Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho e pós-graduada em Enfermagem Avançada
Instrutora de Massagem Infantil

WS 12 // Desvendar um Artigo Científico
Sala A

Atualmente o conhecimento científico encontra-se em expansão: são vários os artigos científicos com que o clínico se depara no dia-a-dia na sua procura para oferecer os melhores cuidados de saúde. Nem sempre a revisão por pares é suficiente para evitar um viés de publicação, além disso, nem sempre os revisores têm conhecimento específico sobre o tema. Desta forma, torna-se importante saber realizar uma análise crítica e pessoal sobre a valorização de cada artigo científico conforme a prática clínica de cada um. É importante perceber os resultados apresentados, implicações, relevância e aplicabilidade. Com este workshop pretendemos desvendar a interpretação de artigos científicos de forma a melhorar a capacidade de cada clínico de valorizar a informação científica crescente.

Coordenador
Dr. Pedro Teixeira

Investigador de Saúde Comunitária, Escola de Ciências de Saúde, Universidade do Minho

WS 13 // Entrevista Motivacional
Sala B.1

Na prática clínica é muito frequente encontrarmos um doente ambivalente, com dificuldade em atingir um objetivo, o qual, muitas vezes, pode ser essencial para o adequado tratamento das suas patologias ou adopção de estilos de vida saudáveis. A entrevista motivacional tem como objetivo ajudar o doente, face a esta ambivalência, a definir a sua motivação e a conseguir comprometer-se com a mudança. Não sendo uma tarefa fácil e para a qual existe pouca formação, este workshop pretende ajudar nesta área apresentando as bases teóricas desta metodologia e as suas aplicações práticas. Existirão também momentos para treino em role-play dos conhecimentos adquiridos, discussão dos casos clínicos e análise/desenvolvimento de competências comunicacionais.

Coordenadora
Dr.ª Rita Maciel Barbosa

Médica de família na USF Rainda D. Amélia, ACes Porto Ocidental;
Mestrado em Comunicação Clínica pela FMUP.

WS 14 // Exame Prático Final
Sala A, B.1, B.2

O Exame Prático Final do internato em Medicina Geral e Familiar tem sido, nos últimos meses, alvo de grande debate e expectativa entre todos.

A Portaria n.º 125/2019 de 30 de abril estabelece uma prova prática baseada na discussão de três casos clínicos que mimetizam as consultas do dia-a-dia.

Com estas recentes alterações, diversas são as dúvidas relativas à organização e estruturação da prova prática, pelo que o contacto prévio com este modelo constitui uma mais-valia para a formação dos internos de Medicina Geral e Familiar.

Com este workshop pretendemos proporcionar aos participantes aquilo que poderá ser um eventual cenário do Exame Prático, à luz deste novo modelo de prova. Terás a oportunidade de assistir a uma “gincana” de casos clínicos, representativa daquilo que é o nosso olhar e interpretação sobre esta futura realidade. Conta com a presença de recém-especialistas em Medicina Geral e Familiar que te proporcionarão um ímpar momento de aprendizagem e partilha.

(trata-se de uma iniciativa própria, da responsabilidade da Comissão Organizadora do Gemmeeting 2019, totalmente dissociada do Colégio da Especialidade de Medicina Geral e Familiar e alheia de qualquer informação oficial)

Coordenadora
Dr.ª Ana Rita Luz

Recém especialista em MGF, USF Avintes, pós-graduada em Intervenção Clínica em Cuidados Paliativos pelo INSPSIC.

Coordenadora
Dr.ª Joana Teixeira

Recém especialista em MGF, UCSP Amarante, pós graduada em Comunicação Clínica pela FMUP

Coordenadora
Dr.ª Isabel Amorim

Recém especialista em MGF, USF Monte Murado

Coordenadora
Dr.ª Mafalda David

Recém especialista em MGF, USF Monte Murado

Coordenadora
Dr.ª Margarida Carvalho

Especialista em MGF, ACES Espinho/Gaia

Coordenador
Dr. Daniel Beirão

Especialista de MGF no Hospital da Luz Guimarães, pós-graduado em Medicina do Doente Crítico e colaborador do departamento MEDCIDS da FMUP

Regulamento de Submissão de Resumos

01. Submissão de Resumos

Os resumos das comunicações orais e pósteres devem ser enviados em suporte digital para gemmeetingtrabalhos@gmail.com através do template disponibilizado para download no final das regras.

Deverão ser preenchidos todos os campos obrigatórios, tendo em atenção que o conteúdo do resumo não deverá ter a identificação de nenhum dos autores ou fazer alusão a qualquer outro dado que possa comprometer o anonimato. Também serão excluídos resumos manuscritos ou enviados em suporte diferente do anteriormente exposto.

A data limite de envio de resumos terminará às 23h59m do dia 31 de julho de 2019. Serão notificados todos os autores até ao dia 31 de agosto de 2019.

Cada resumo poderá conter até um máximo de 2500 caracteres, incluídos espaços, respeitando o acordo ortográfico em vigor. O título do trabalho e respetivos autores terão campo próprio para preenchimento.

Consoante a temática escolhida, os autores deverão respeitar a seguinte estrutura:

  • Investigação – Introdução e objetivo(s), Metodologia, Resultados e Discussão.
  • Revisão de Tema – Introdução e objetivo(s), Metodologia, Resultados, Discussão.
  • Relato de Caso – Enquadramento, Descrição de Caso e Discussão.
  • Melhoria Contínua da Qualidade – Justificação, Objetivo(s), Métodos, Resultados (mínimo duas avaliações) e Discussão.
  • Relato de Prática – Relatos de experiências da prática médica diária, não exclusiva nem obrigatoriamente relacionados com questões clínicas e/ou técnico-científicas, por exemplo relatos de boas práticas, atividades na comunidade, atividades e relações interpares e interprofissionais, relatos de intercâmbios ou estágios com particularidades que mereçam ser divulgadas. A estrutura de apresentação deverá ser: Enquadramento, Objetivo(s), Descrição, Discussão.
  • Protocolos – Apresentação e discussão de protocolos de investigação ou melhoria contínua da qualidade, em fase de Projeto ou ainda não concluídos. A estrutura de apresentação deverá ser: Introdução, Objetivo(s), Métodos, e Discussão.

À Comissão Científica reserva-se o direito de, durante a avaliação dos resumos submetidos, propor ao(s) autor(es) a alteração da modalidade previamente selecionada pelo(s) mesmo(s).

02. Regras para apresentação de Comunicações Livres

a. Comunicação Oral

O autor deverá respeitar um tempo máximo de apresentação de 10 minutos, seguidos de 5 minutos para discussão. É da total responsabilidade do(s) autor(es) a garantia de viabilidade e transporte para o evento do dispositivo informático com o conteúdo do seu trabalho, devendo fazer-se apresentar com o mesmo 15 minutos antes do início da sessão de comunicações orais.

b. Comunicação em Póster

As comunicações em póster deverão respeitar as seguintes regras:

  • Organização vertical;
  • Dimensões: 90 x 120 cm;
  • Distância mínima de leitura do seu conteúdo: 1,5 metros.

Cabe aos autores o transporte e afixação dos respetivos trabalhos em formato papel até às 11 horas do dia 12 de setembro (primeiro dia do evento). Caso o horário não seja respeitado, o trabalho será automaticamente excluído da seleção para prémio de melhor Comunicação em Póster.

No final do primeiro dia de trabalho, 5ª Feira, 12 setembro, será enviada por email a lista com os 5 pósteres selecionados pelo júri para apresentação.

A apresentação decorrerá no dia 13 setembro, entre as 8:00h e as 9:00h na sala de pósteres. Deverá ter uma duração de ter 5 minutos de apresentação e 2 minutos de discução.

Pelo menos um dos autores dos trabalhos selecionados deverá estar presente na sessão de encerramento para entrega de prémios, onde será comunicado o vencedor.

03. Condições para apresentação de trabalhos

É condição obrigatória para a apresentação de comunicações livres a inscrição e presença de pelo menos um dos autores. A apresentação das mesmas deverá também ser realizada por um dos autores.

A originalidade, a precisão da pesquisa e dos resultados do trabalho final são da exclusiva responsabilidade do(s) autor(es).

Ao inscrever o seu trabalho, o(s) autor(es) automaticamente cedem à Comissão Organizadora os direitos de edição e divulgação dos respetivos resumos para eventual publicação impressa ou digital.

04. Prémios e Júri

É constituído um júri de seleção de resumos e de apreciação das apresentações. A composição do júri de seleção e apreciação é da responsabilidade da Comissão Científica do Congresso.

É instituído um prémio destinado à melhor Comunicação Oral e um prémio à melhor Comunicação em Poster.

Os prémios e respetivos certificados serão entregues aos autores presentes na cerimónia de encerramento.

Regulamento de Submissão ao Workshop

O resumo deve ser enviado em suporte digital para gemmeetingtrabalhos@gmail.com através do template disponibilizado para download no final das regras.

Deverão ser preenchidos todos os campos obrigatórios, tendo em atenção que o conteúdo do resumo não deverá conter a identificação de nenhum dos autores ou fazer alusão a qualquer outro dado que possa comprometer o anonimato. Também serão excluídos resumos manuscritos ou enviados em suporte diferente do anteriormente exposto.

A data limite de envio de resumos terminará às 23h59m do dia 14 de julho de 2019. Serão notificados todos os autores até ao dia 15 de agosto de 2019.

Cada resumo poderá conter até um máximo de 2500 caracteres, incluídos espaços, respeitando o acordo ortográfico em vigor. O título do trabalho e respetivos autores terão campo próprio para preenchimento.

O resumo deverá ser apresentado sob a seguinte estrutura:

  • Introdução: justificação e pertinência do workshop;
  • Objetivos de aprendizagem: finalidade e resultados previstos;
  • Metodologia: aspetos organizativos e conteúdos;
  • Discussão: impacto previsto do workshop na Medicina Geral e Familiar.

O workshop terá a duração de 90 minutos, em sala própria, para um número máximo de 30 formandos.

Qualquer material necessário deverá ser requisitado e sujeito a confirmação de disponibilidade por parte da organização.

O(s) preletor(es) deverá(ão) estar inscrito(s) no GEMMeeting 2019.

Científico

Daniel Canelas
USF Saúde no Futuro

Daniela Catalão
USF Canelas

Luciana Almeida
USF Canelas

Pedro Castro
USF Camélias

Daniela Saraiva
USF Canelas

Carla Cardoso
USF Anta

Comissão de Festas

Alexandra Rafael
USF Arco do Prado

Inês Almeida
USF Nova Via

Bárbara Vaz
USF Nova Salus

Sara Albuquerque
USF Nova Salus

Pedro Águeda
USF Arco do Prado

João Pedro Pereira
USF  S. Félix/Perosinho

Comunicação & Imagem

Marisa Barros
USF Camélias

Miguel Gouveia
USF Nova Via

Vítor Rego
USF Nova Via

Leonardo Napoleão
USF Canelas

Fundraising

Débora Fonseca
USF Além Douro

Joana Cirne
USF S. Miguel

Joana Lamas
USF S. Miguel

Anita Marques
USF Nova Salus

Eduarda Alves
USF S. Miguel

Catarina Araújo
USF Nova Salus

Ana Isabel Silva
USF Nova Salus

Logística

Ana Luísa Santos
USF Stº André Canidelo

Sara Guimarães
USF Nova Via

Isabel Abreu
USF Stº André Canidelo

Filipa Ribeiro
USF Nova Via

Ana Amorim
USF Abel Salazar

Catarina Baía
USF Stº André Canidelo

Maria João Neves
USF Espinho

Júris de Comunicações Orais

Professora Dr.ª Luciana Couto
Assistente de Medicina Geral e Familiar na USF Camélias

Dr. Miguel Silva
Assistente de Medicina Geral e Familiar na USF Saúde no Futuro

Dr. Pedro Araújo
Assistente de Medicina Geral e Familiar na USF Arco do Prado

Júris de Posters

Dr. Rui Caramelo
Assistente de Medicina Geral e Familiar na USF Canelas

Dr.ª Isabel Ribeiro
Assistente de Medicina Geral e Familiar na USF Anta

Dr.ª Helena Milheiro
Assistente de Medicina Geral e Familiar na USF Anta

Júris de Workshop de Internos

Dr.ª Raquel Barros
Assistente de Medicina Geral e Familiar na USF Santo André de Canidelo

Dr. Jorge Godinho
Assistente de Medicina Geral e Familiar na USF Canelas

Dr. Bruno Reis
Assistente de Medicina Geral e Familiar na USF Santo André de Canidelo

Restantes elementos

Dr.ª Ângela Teixeira
Assistente de Medicina Geral e Familiar na USF Nova Via, Diretora de Internato Santos Silva

Dr.ª Andrea Lobão
Assistente de Medicina Geral e Familiar na USF Barão do Corvo

Dr. José Silva Henriques
Assistente de Medicina Geral e Familiar na USF São Félix/Perosinho

Dr.ª Urbana Paulo
Assistente de Medicina Geral e Familiar na UCSP Crestuma

Dr.ª Marta Tavares
Assistente de Medicina Geral e Familiar na USF Nova Salus

Dr.ª Ana Cabral
Assistente de Medicina Geral e Familiar na USF Além Douro

Dr.ª Jorge Vinagre
Assistente de Medicina Geral e Familiar na USF Espinho

Indústria

Científicos

Organização

Facebook

Secretariado

Ligia Silva

(+351) 914 592 380

Email

eventos@lab52.pt

Museu Municipal de Espinho – FACE

O Museu Municipal de Espinho está situado no Fórum de Arte e Cultura de Espinho (FACE), antiga Fábrica de Conservas Brandão, Gomes & C.ª.

Rua 41 / Av.João de Deus
4500 Espinho

227 326 258

INSCRIÇÕES ENCERRADAS!

Agradecemos o interesse manifestado no GEMMeeting 2019.

Infelizmente não será possível submeter mais inscrições.

Obrigado.

Encontros de Oncologia Entre o Douro e Vouga

By | Terminado

Encontros de Oncologia Entre o Douro e Vouga

Vimos por este meio apresentar os Encontros de Oncologia Entre o Douro e Vouga, a realizar no dia 22 de Novembro de 2019 no Europarque. A missão primordial deste encontro, é exponenciar a interface entre os Cuidados de Saúde Primários e os Cuidados Hospitalares numa perspetiva de conferir os melhores cuidados de saúde a todos os utentes desta vasta área geográfica.

Encontros de Oncologia Entre o Douro e Vouga22 de Novembro

15,00*

Inclui:

  • Acesso às Palestras
  • Pasta com Documentação
  • 1 Almoço
  • 1 Coffee Break
  • Certificado de Presença

* Valor da Inscrição reverte na totalidade para a Liga dos Amigos do Hospital S. Sebastião

** Data Limite de Inscrição:  13 de Novembro 2019

Programa Científico

Regras de Submissão de Trabalhos Científicos

Os trabalhos científicos deverão corresponder ao âmbito da temática dos Encontros de Oncologia.

Consoante a temática escolhida, os autores deverão respeitar a seguinte estrutura:
Trabalho de Investigação – Introdução, Objetivo(s), Metodologia, Resultados, Discussão e Conclusão.
Caso Clínico – Introdução, Descrição do Caso, Discussão e Conclusão.
Revisão de Tema – Introdução, Objetivo(s), Metodologia, Resultados, Discussão e Conclusão.

Os resumos dos trabalhos científicos deverão ser enviados até ao dia 08 de novembro em suporte digital através da secção disponível no final desta página.

Deverão ser preenchidos todos os campos obrigatórios, tendo em atenção que o conteúdo do resumo não deverá ter a identificação de nenhum dos autores ou fazer alusão a qualquer outro dado que possa comprometer o anonimato. O título do trabalho e respetivos autores terão campo próprio para preenchimento.
Cada resumo poderá conter até um máximo de 2500 caracteres, incluídos espaços, respeitando o acordo ortográfico em vigor.

Serão notificados todos os autores até ao dia 15 de novembro sobre a aceitação do trabalho.
Todos os trabalhos aceites terão de ser apresentados em forma de poster.

Os posters serão exibidos num ecrã no dia do evento. Deverão ser enviados em formato PDF até ao dia 18 de Novembro para geral@lab52.pt.
Disponibilizamos templates Powerpoint ou Keynote para a sua realização. Estes templates já se encontram dimensionados correctamente para o bom funcionamento e visualização. A organização não se responsabiliza pelo não funcionamento ou falta de qualidade de posters elaborados noutros programas ou formatos.

Os dois melhores trabalhos científicos seleccionados pela Comissão Científica serão apresentados em forma de comunicação oral no final do programa dos Encontros de Oncologia. O autor deverá respeitar um tempo máximo de apresentação de 10 minutos, seguidos de 5 minutos para discussão.

Serão atribuídos prémios no valor de 150 euros aos dois melhores trabalhos científicos.
Os autores principais dos trabalhos terão de estar inscritos nos Encontros de Oncologia até à data do envio dos resumos.

SUBMISSÃO DE RESUMOS Encerrada!

Agradecemos desde já o interesse manifestado na Submissão de Resumos nos Encontros de Oncologia Entre o Douro e Vouga.

Obrigado.

Adelina Fernandes
Consulta Externa da Unidade Oliveira de Azeméis

Amanda Nobre
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga

Anabela Amarelo
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho

Ana Filipa Reis
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga

Ana Lúcia Resende
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga

Ana Luísa Faria
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga

Ana Paula Ferreira
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga

Ana Rita Reis
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga

António Araújo
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar do Porto

Carina Branco
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga

Cristina Silva
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga

Dídia Cardoso
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga

Eduarda Reis
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga

Henrique Coelho
Serviço de Hemato-Oncologia do Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho

Joana Godinho
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga

Joana Macedo
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga

José António Nunes de Sousa
USF Famílias

Maryse Neves
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga

Patrícia Pena
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga

Paula Alves
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga

Sandra Chaves
Consulta Externa da Unidade Oliveira de Azeméis

Sofia Oliveira
Serviço de Oncologia Médica do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga

Europarque

Localizado na região da Área Metropolitana do Porto, na cidade de Santa Maria da Feira, o EUROPARQUE é um equipamento com mais de 20 anos de experiência no acolhimento e organização de eventos pluridisciplinares, essencialmente de âmbito corporativo e institucional, com capacidades e funcionalidades ímpares.

Um Centro de Congressos à medida das necessidades de cada cliente e de cada evento, instalado numa área total de mais de 500 000 m2.

Rua Interior do Europarque,
4520-153 Santa Maria da Feira
Portugal

(+351) 256 370 200

Ligia Silva

(+351) 914 592 380

Email

eventos@lab52.pt

Email

geral@lab52.pt

SUBMISSÃO DE incrições Encerrada!

Agradecemos desde já o interesse manifestado na Submissão de Inscrição nos Encontros de Oncologia Entre o Douro e Vouga.

Obrigado.

2º Encontro de Saúde em Canelas

By | Terminado

2º Encontro de Saúde em Canelas

Um grupo de profissionais de saúde, médicos, enfermeiros, secretários clínicos, entre outros, a maioria pertencente à USF Canelas, preocupados com a busca constante do conhecimento, decidiu realizar/organizar um evento destinado a abordar alguns dos temas, atualmente mais pertinentes, no contexto da saúde.

Neste que designamos como II Encontro de Saúde em Canelas, vão estar presentes diversas figuras credenciadas em várias áreas das ciências da saúde em Portugal, com as quais será possível certamente aprender/atualizar nas várias temáticas escolhidas.

Esperamos que nos honrem com a vossa presença e entusiasmo.

Concomitantemente ao Encontro, aproveitem para conhecer melhor o Solar Condes de Resende, fonte de património histórico e cultural, bem como a secular Vila de Canelas, apetecível pela sua gastronomia e pelo pulmão verde que é a sua serra.

Profissionais de Saúde17 e 18 Maio

25,00

Inclui:

  • Acesso às Palestras
  • Pasta com Documentação
  • 1 Almoço
  • 2 Coffee Break
  • Certificado de Presença

* Data Limite de Inscrição:  10 de Maio 2019

Programa Científico

01. SUBMISSÃO DE RESUMOS

Os resumos das comunicações orais e pósteres serão submetidos através de plataforma disponível no website para o efeito, não sendo aceites outra forma de submissão.

Deverão ser preenchidos todos os campos obrigatórios, tendo em atenção que o conteúdo do resumo não deverá ter a identificação de nenhum dos autores ou fazer alusão a qualquer outro dado que possa comprometer o anonimato.

A data limite de envio de resumos terminará às 23 horas 59 minutos do dia 6 de Maio de 2019. A notificação dos autores será realizada após a avaliação de todos os resumos, previsivelmente até ao dia 10 de Maio de 2019.

Cada resumo poderá conter até um máximo de 2500 caracteres, incluídos os espaços, respeitando o acordo ortográfico em vigor. O título do trabalho e os autores terão campo próprio para preenchimento.

Consoante a temática escolhida, os autores deverão respeitar a seguinte estrutura:

INVESTIGAÇÃO: Introdução e objetivo (s), Metodologia, Resultados e Discussão.
REVISÃO DE TEMA:  Introdução e objetivo (s), Metodologia, Resultados, Discussão.
RELATO DE CASO:  Enquadramento, Descrição de Caso e Discussão.
MELHORIA CONTÍNUA DA QUALIDADE:  Justificação, Objetivo (s), Métodos, Resultados (mínimo duas avaliações) e Discussão

A comissão científica reserva-se o direito de, durante a avaliação dos resumos submetidos, propor ao (s) autor (es) a alteração da modalidade previamente selecionada pelo (s) mesmo (s).

02. REGRAS PARA APRESENTAÇÃO DE COMUNICAÇÕES LIVRES

Comunicação oral

O autor deverá respeitar um tempo máximo de apresentação de 10 minutos, seguidos de 5 minutos para discussão. A apresentação deverá estar em formato powerpoint e ser entregue numa pen no secretariado com o mínimo de 15 minutos de antecedência do início da sessão de comunicações orais.

A organização não se responsabiliza por qualquer falha que possa existir na apresentação, caso a mesma não obedeça às especificações acima mencionadas.

Comunicação em poster

As comunicações em póster deverão respeitar algumas regras que serão enviadas por email aos autores cujos trabalhos sejam aceites.

03. CONDIÇÕES PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS

É condição obrigatória para a apresentação de pósters a inscrição e presença de pelo menos um dos autores. A apresentação das mesmas deverá também ser realizada por um dos autores.
A originalidade, a precisão da pesquisa e dos resultados do trabalho final são da exclusiva responsabilidade do(s) autor(es).
Ao inscrever o seu trabalho, o(s) autor(es) automaticamente cedem à comissão organizadora os direitos de edição e divulgação dos respetivos resumos para eventual publicação impressa ou digital.

Submissão de Resumos encerrada!

Ana Paula Lemos

Ana Rita Mourão

Arménio Costa

Cecília Pinto

Conceição Braga

Daniela Catalão

Daniela Saraiva

Gabriela Salgado

Isabel Mourão

Jorge Godinho

Leonardo Napoleão

Liliana Bessa

Luciana Almeida

Manuel Sousa

Manuela Bastos

Marta Santos

Miguel Ferreira

Paula Querido

Pedro Peixoto

Raquel Bastos

Raquel Freitas

Raquel Neto

Rui Caramelo

Tânia Martins

Teresa Aguiar

Vitor Machado

Ana Paula Lemos

Médica USF Canelas

Ana Rita Mourão

Médica USF Canelas

Conceição Braga

Enfermeira USF Canelas

Jorge Godinho

Médico USF Canelas

Manuel Sousa

Médico USF Canelas

Miguel Ferreira

Enfermeiro USF Canelas

Raquel Freitas

Médica USF Canelas

Rui Caramelo

Médico USF Canelas

Teresa Aguiar

Médica USF Canelas

Solar Condes de Resende

Solar dos Condes de Resende

Tv. dos Condes de Resende nº 110
4410-264 Canelas | Vila Nova de Gaia
Portugal

Ligia Silva

(+351) 914 592 380

Email

eventos@lab52.pt

Email

geral@lab52.pt

inscrições encerradas!